Deus Jesus

ET's Gospel

14:17Maicon Custódio



Nos últimos tempos não lembro de nenhuma invenção deste universo cibernético que tenha me agradado mais do que o Twitter (segue lá: @maiconcustodio). Este negócio é fantástico. A velocidade da informação, o número de contatos, as infinitas possibilidades de interatividade, a utilização da webcam para fazer uma transmissão aos amigos. Fico fascinado com a nossa facilidade em compartilhar coisas relevantes e irrelevantes. Conhecemos os pensamentos e convicções de cada um, divulgamos eventos, fotos, notícias. Ganhamos a capa da revista VEJA pelo famoso #calabocagalvao. Enfim, o Twitter é o local mais interativo, agregador e maior fonte de conhecimento (seja bom ou ruim) que temos ao toque de nossos dedos.

Você deve estar perguntando: Maicon, o que isso tem haver com o título desse texto? Eu explico. Foi no Twitter que eu descobri que nós não estamos sozinhos no universo. Existem ET’s entre nós. Eles se misturam, parecem normais, tem vida como de ser humano, falam, comem e bebem como a gente, mas eles não são daqui... Estou preocupado com isso. E o que mais me espanta é o fato de eles já estarem invadindo o meu twitterzinho querido. Agora você deve estar fazendo a segunda pergunta: Maicon, quem são eles?

Como eu disse no início, o Twitter é o local de compartilhamento de informação e conteúdo, mas acima de tudo de pensamentos e ideologias e é aí que os aliens entram na história. Por vezes, eles costumam ser astros (sic) da música gospel (sic) ou pastores, bispos, profetas, apóstolos, patriarcas e todo esse povo com mania de grandeza gospel.


Digo que são aliens por alguns motivos básicos, o principal deles é o mais lógico: são alienados. Me lembro da Copa do Mundo, um evento legal, o povo envolvido, se divertindo, mas os aliens, dentro da sua bolha da santidade extraterrestre gospel twitavam coisas como: “o avivamento chegou, hoje o Senhor me revelou que a hora da virada vem sem demora e que o Brasil é de Jesus”. Um outro escrevia: “irmãos, hoje acordei sentindo um poder tremendo... Deus vai abalar essa nação ainda hoje” e o pior que abalou mesmo, pois o Brasil foi eliminado da Copa naquele dia, rs.

Ainda em 2010, chegando no segundo semestre tivemos a efervescência das eleições. Denúncias, brigas, adesão, controvérsia, corrupção, mentiras, censura... sem dúvida, um dos pleitos mais conturbados da História do Brasil, mas os aliens faziam questão de se manifestar. Usando o português claro, o pau tava quebrando e eles continuavam com suas twitadas santas de quem está num plano superior e que não se mistura com este mundo. Continuavam falando do poder, do avivamento, do cura, dos seus shows e dos seus projetos enquanto o futuro da nação era decidido.

Por fim, já no início de 2011 veio a gota d’água que me irritou o suficiente para escrever este texto. Tragédia tamanha no Rio de Janeiro, o país se movimentando, ajudando, voluntariando. Uma mobilização de nível nacional acontecendo e onde estavam os aliens? Obviamente no seu planetinha onde nada de ruim acontece e é só benção! Só vitória! Num planeta onde todos são santos, as igrejas não tem problemas, não há prostituição, vícios, adultério ou morte, afinal... no mundo deles só existe uma realidade: a alienação.


Pessoal, Jesus nos convida para sermos parecidos com Ele. Muita gente entendeu errado e simplesmente prega que precisamos ser diferentes do mundo e isso gera os aliens. Ser parecido com Jesus implica em envolvimento cultural, social, emocional, espiritual, psicológico e físico com o mundo. Jesus disse que não nos tiraria do mundo, pelo contrário disse para tomarmos nossas cruzes, segui-lo, sermos sal e sermos luz do mundo. Viver uma vida de santidade é essencial, andar com Deus é essencial, mas se estas práticas não extrapolarem as paredes das nossas casas e templos e causarem uma real diferença na vida das pessoas, seremos semelhantes aos ET’s Gospel que se fecharam nas suas bolhas e não passam de sal sem sabor e luz que não ilumina...

Que Deus nos livre da desgraça de viver uma hipocrisia onde a minha espiritualidade é individualista e a vida e as dificuldades do próximo já não me sensibilizam mais,

No doce amor do Mestre que mesmo sendo de outro mundo se misturou conosco,

Maicon.

Você Poderá Gostar de:

4 comentários

  1. Eu disse que aprenderia a comentar por aqui...
    Muito bacana o post.
    Ter uma postura bíblica nunca foi sinônimo de ignorar o que se passa ao nosso redor

    ResponderExcluir
  2. Kaline, que bom ler seu comentário.
    Fico muito feliz!

    Falando sobre o texto, é verdade, as pessoas vivem alienadas justamente por não entenderem de verdade o que é ser bíblico, consagrado e andar com Deus!

    Vlw

    ResponderExcluir
  3. Os incontáveis desafios da vida modernos, e o fato da mão de obra desqualificada ser um recurso barato, universalmente disponível e infinitamente substituível, não contribui para que se construa o precioso “Exercito industrial de reserva” fantasiado pelo filósofo alemão Karl Marx (1818-1883), na sua “Metodologia socialista” (fundada no materialismo dialético), mas sim, amplia o abismo que separa os preparados para vencer, dos que não têm algo para negociar.

    A fim de exorcizar os terrores da Natureza e se reconciliarem com as crueldades do destino, particularmente as crenças derivadas do medo da morte, os religiosos só enxergam o que lhes convêm, e impõem a sua “verdade”, conforme as suas crenças e convicções.
    Pois para amenizar os sofrimentos e as privações que a vida nos impõe, os místicos criariam superstições, onde o inexistente, o sobrenatural, a magia, a obediência e uma fé irracional se sobrepõem às duras realidades da vida.

    ResponderExcluir
  4. Lisandro, meu querido....

    O texto que vc cita é de um homem de mente brilhante. Sou admirador da visão de Marx (com ressalvas) apesar de não ser marxista.

    Fico feliz com seu comentário e acima de tudo por sua contribuição principalmente com a seguinte frase:

    "os religiosos só enxergam o que lhes convêm, e impõem a sua “verdade”, conforme as suas crenças e convicções".

    Afinal, este blog é uma constante crítica aos religiosos e uma saudação aos cristãos que são verdadeiramente pensantes!

    Deus o abençoe

    ResponderExcluir

Comente. Debata. Discorde. Elogie. Concorde.
Desfrute deste espaço que é seu, amado leitor.
Apenas me conservarei no direito de não responder ANÔNIMOS e conseqüentemente deletar seus comentários.

Na paz do Eterno.

Pr. Maicon

Instagram

Siga!

Formulário de contato